Fazei o bem,mas olhai a quem!

Há quem acredite que o ser humano nasce com maldade, e vai moldando suas características boas aos poucos.Tenho opinião contrária a essa, acho que nascemos bonzinhos, e durante o desenvolvimento do caráter o meio em que vivemos vai acrescentando a mesquinharia, o egoísmo e a ignorância. É por isso que costumamos tomar decisões corretas quando agimos por instinto, mesmo que a gente acabe se arrependendo depois, quando deixamos o nosso lado maligno fazer a análise da situação.

Hoje fui de casa para o trabalho, e, como usuário do sistema de transporte coletivo, peguei o 612 que estava até vazio quando entrei, mas lotou a duas paradas depois da minha. Vinha sentado tranqüilo ouvindo los hermanos quando vejo, ao meu lado, uma senhora idosa em pé, cheia de sacolas. Automaticamente cedi meu lugar a ela, que agradeceu, me chamou de anjo e se sentou espalhadamente na cadeira. Senti-me bem, feliz por ter cumprido meu dever de cidadão. Senti-me um anjo. =)

Acontece que, em pé e imprensado pela multidão, parei para observar minha mais nova amiga, e reconheci aquela face já desgastada pelo tempo, uma antiga professora de Ensino Religioso. D. Maria Ítala Albuquerque, esse era o seu nome. Fervorosa católica que um dia, na minha 6ª série, me pegou atrás da cantina da escola, no maior amasso com uma coleguinha de classe, que por coincidência era sua filha. Depois de me mandar a merda e dizer que me perseguiria até o inferno (o que me parece contraditório), nunca mais encontrei esta senhora. Até hoje.

Fiquei pensando que, se tivesse reconhecido antes a Ítala, talvez nem a tivesse cedido o lugar. Pelo contrário, iria torcer pra que o ônibus ficasse ainda mais lotado, pra a coitada e transformar sua viagem ainda mais desagradável. Mas não, pela minha desatenção acabei me privando do conforto das poltronas da Viman e o proporcionei a alguém que, na minha opinião, não merecia. Tudo bem, de qualquer forma essa anda era a coisa certa a se fazer, meu caráter carregado de influências acadêmicas-cristãos-paternais me disse isso. D. Ítala privou um adolescente feio, magrelo e narigudo de seu primeiro namoro, e hoje o impediu de viajar confortavelmente  para o seu trabalho. Mas, era pra ser assim.

P.S: Lembro-me que na época chorava bastante e cantarolava aquele velho verso de Chico Buarque, cheio de revolta: “Você não gosta de mim, mas sua filha gosta”

Anúncios

6 comentários sobre “Fazei o bem,mas olhai a quem!

  1. Então, vc estaria assumindo que tudo o que ela disse tocou em você realmente. nao devemos odiar nossos inimigos e sim pedir a eles a benção para que eles mudem, ai sim seria sua vitoria.
    A vinganca so a Deus pertence. lembre-se disso. e siga o caminho sempre levantando para idosos e fazem sua pequena parte de educacao e responsabilidade nesse mundo cada vez mais cruel.

  2. marla

    Ai Pascal….q situação….esse meu amigo….neh Vanessa?
    quietoooo…rsrsrs…
    mas é assim mesmo…vc fez o certo, cedeu o lugar para a Dona Maria Itala, é uma pena ter q ficar de pé, ainda acho q asdevia ter mais ônibus em Manaus…como os usuários sofrem
    agora, fazer o bem é sempre bom, engrandece a nós mesmos, fora o bem q podemos causar, mas claro q tdo tem medida!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s