Concurso para estagiários de comunicação do MPF/AM

Para aqueles que ainda não estão sabendo, o MPF/AM está com inscrições abertas para um concurso de estagiários de Comunicação Social com bolsa de R$ 630 e carga horária de 20 horas semanais. Como eu sei que arranjar um emprego decente nesta área é difícil, talvez essa seja uma boa oportunidade de trabalhar pouco e ganhar razoavelmente bem. O concurso só tem uma vaga, mas mesmo assim vale a pena se inscrever (aparentemente a inscrição é gratuita) e fazer a prova. E, só pra não dizer que nós do Agridoce só sabemos criticar, louvável a ação do MPF de realizar concurso público para a contratação de estagiários.

Abaixo a matéria retirada do site do MPF/AM (http://www.pram.mpf.gov.br) com mais informações.

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) abre, nesta segunda-feira (18), as inscrições para o primeiro concurso de estagiários de Comunicação Social da instituição. Podem participar estudantes matriculados a partir do 5º período no curso de Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, nas universidades conveniadas com o MPF/AM.

A seleção vai preencher uma vaga de estágio na Assessoria de Comunicação do MPF/AM e criar um cadastro de reserva de estudantes da área. Caso sejam abertas novas vagas, os aprovados serão convocados de acordo com a ordem de classificação. O cadastro será válido por um ano. O estagiário de Comunicação Social terá uma carga horária de 20 horas semanais e receberá bolsa-auxílio no valor de R$ 630. O contrato de estágio será firmado por um ano, podendo ser renovado.

As inscrições para o concurso serão realizadas até o dia 29 de fevereiro, na sede da Procuradoria da República no Amazonas (PR/AM), na avenida André Araújo, 358, Aleixo, zona Centro-Sul de Manaus, ou no site www.pram.mpf.gov.br. As provas objetivas e subjetiva serão realizadas no dia 4 de março, de 8h às 12h, em local a ser divulgado pelo MPF/AM. A avaliação conterá uma prova objetiva de Língua Portuguesa, de 15 questões, uma prova objetiva de Conhecimentos Específicos, envolvendo conhecimentos de Ministério Público Federal e de Jornalismo, com 15 questões, e uma prova subjetiva, que consistirá na produção de um texto.

O resultado final do concurso deverá ser divulgado no dia 25 de março.

Confira o edital que regulamenta o concurso.

Lista das universidades conveniadas com o MPF/AM:

Universidade Federal do Amazonas (Ufam)

Universidade do Estado do Amazonas (UEA)

Universidade Paulista (Unip)

Centro Integrado de Ensino Superior do Amazonas (Ciesa)

Centro Universitário do Norte (Uninorte)

Centro Universitário Nilton Lins (UniNilton Lins)

Aula dá Saudade

Como todo dia 11, este também foi atípico. Ele seguiu a agenda perfeita de uma segunda-feira: acordei ligeiramente cedo, porém com uma preguiça extremamente devastadora. Cheguei a faculdade para participar do último seminário da disciplina de telejornalismo. Uma aula a princípio tensa, mas com uma discussão que até fluiu tranquilamente, fruto da competência desses que me cercam…o problema foi no final.

Essa não foi apenas a última aula e Telejornalismo, nem apenas a última aula do período. Hoje fechamos um ciclo de quatro anos de encontros diários. Abandonamos a etapa da vida acadêmica em que caminhamos juntos, sobrando apenas o solitário TCC…agora é cada um por si. Separações como essa já haviam sido ensaiadas quando abandonamos RP na metade do caminho, mas nem de longe foi tão dolorido.

Foram quatro anos onde pessoas completamente distintas aprenderam a viver em harmonia, a respeitar diferenças e contribuir, positivamente com a construção do caráter do outro. Aprendemos, além das leis da comunicação, que uma pessoa, antes desconhecida pode ser o ouvinte perfeito pros teus problemas. E que até existe um confidente perfeito até para os teus segredos mais obscuros.

Não há clausura, dor ou confinamento emocional que sobreviva ao calor humano de amizades tão incríveis. O aquário da angústia se quebra, as correntes da apreensão se derretem e permitem a entrada de um turbilhão de benéficos sentimentos. O convívio diário é uma monotonia boa, e faz um bem surpreendente. De desconhecidos nasce uma parceria nos trabalhos, que logo vira amizade, que logo vira amor.

São micheles, diegos, victors, silvios, lennons, vanessas, robertas, tatis, samueis, marlas, sorayas, holgas, viviannes, (c)karlas, lilianes, rafaeis, marianas, layanas, julianas, cláudias, anas, marrons, danis, aines, marilias, monicas e muitos outros nomes, que entram na sua vida de forma despretensiosa, e que acrescentam valores imprescindíveis no teu ser, frutos do convívio, da parceria, da cumplicidade. Então nasce uma corrente de compromisso, explicada por Exupery, que é, nada menos, que uma eterna responsabilidade com aquele que se cativa.

E deixar isso de lado é tão ruim. Largar o convívio ainda não me parece palpável, ainda não caiu a ficha. O que caiu foi as lágrimas, o medo da perda, do distanciamento. Medo que os projetos de um sejam diferentes dos nossos, que os encontros/bebedeiras/shows/confraternizações e noites regadas a muito vídeo-game e imagem&ação fiquem mais distantes a cada dia, até a extinção.

Prefiro acreditar que não. Que teremos muitas noites e dias “Chibatas” ainda. Porque a saudade é um “Câncer”, é coisa do “Satanaas”. Tenho certeza que se permitir que esse distanciamento aconteça, “Vai sobrar tristeza pra mim”, e se me perguntas: Vai evitar que isso aconteça? Respondo claramente: “É Verdaaaade”.

Que venham muitas corridas de kart, Diego. Que role muitos outros cafés-da-manhã, em homenagem a Vanessa. Ou noites de ostentação e gula no rodízio de pizza (essa eu faço questão. Que nossos projetos se concretizem, muitos até em parceria. Se não houver Unilivre, que a gente continue alimentando nossa paixão pelo rádio de outra forma. Nossos sites de esporte, seriados e projetos audiovisuais. Porque, acima da necessidade de sucesso na carreira, existe o sucesso emocional, a felicidade ou “Saúde Plena”, que depende expressivamente de vocês, meus amigos.

Vamos em Frente!!

Mas não esqueçam de todo o amor que dispensamos um ao outro